Envie agora seu recado!

200
caracter(es) restante(s)

Notícias

Assinada por autoridades brasileiras e argentinas a carta pró-ponte Porto Xavier/San Javier

No próximo encontro, dia 31 de março, será apresentada a comissão formada por representantes dos dois países

14 de fevereiro de 2017 às 10:21
Assinada por autoridades brasileiras e argentinas a carta pró-ponte Porto Xavier/San Javier
Encontro contou com participação de diversas lideranças (Foto: Karin Schmit |AMM)

Porto Xavier, do lado brasileiro, assim como San Javier, do lado argentino, tecnicamente, estão preparados e detêm todas as condições para instalação da ponte internacional, a qualquer momento. O que falta é decisão política. Até aí, nenhuma novidade. Mas, a partir do momento em que lideranças do Brasil e da Argentina mobilizem também a população nesta luta, pressionem pessoalmente e de forma contínua as autoridades federais, sem dúvida, aumentam as possibilidades deste sonho antigo, mas possível, se tornar realidade. E, quem sabe, depois de 50 anos, esta ponte vai ‘desencantar’.

Esta foi a manifestação que permeou o encontro realizado na manhã de segunda-feira, dia 13, em San Javier/Misiones/Argentina, que contou com a participação de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores da região das Missões/RS/Brasil, intendentes e deputados da província de Misiones, além da imprensa. A primeira iniciativa deliberada na reunião, que foi coordenada pelo anfitrião, o intendente ao cargo de San Javier, Julio Cesar Tkachuk, e pelo presidente da Associação dos Municípios das Missões (AMM), Brasil Antonio Sartori, foi a elaboração da Carta Oficial Pró-Ponte Internacional Porto Xavier/San Javier, assinada por todos os participantes.

Siempre Adelante 
O documento firma o compromisso de atuação integrada em todas as etapas seguintes, quanto às providências de respostas efetivas dos governos do Brasil e Argentina no que tange à divulgação do resultado do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA). “Mais que isso, vamos demonstrar de forma convincente que Porto Xavier e San Javier estão prontos para receber a ponte”, destacou o dirigente da AMM, Brasil Antonio Sartori, que é prefeito de Entre-Ijuís.
Com a mesma intensidade e convicção, o intendente a cargo de San Javier garantiu que a província de Misiones e sua gente está junto com a região das Missões nesta luta que vem de longa data, mas com a soma de esforços e medidas efetivas, é viável avançar nas tratativas.
 
31 de março de 2017
Esta será a data do próximo encontro sobre o tema, que vai ocorrer novamente em San Javier, às 9h30min, quando será apresentada oficialmente a comissão formada por integrantes dos dois países, incluindo prefeitos, intendentes, deputado estadual e federal, representante do setor privado, entre outros. Na oportunidade, serão estabelecidas as primeiras agendas que serão cumpridas pela comissão do Brasil e da Argentina, em audiências com autoridades dos dois países.
 
Comitiva missioneira
Integraram a comitiva da região das Missões na reunião em San Javier o vice-presidente da AMM e prefeito de Rolador, Paulo Peixoto; prefeitos de Porto Xavier, Vilmar Kaiser; São Luiz Gonzaga, Sidney Brondani; Mato Queimado, Orlando Thomas; Roque Gonzales, João Haas; São Pedro do Butiá, Martinho Berwanger; Salvador das Missões, Daniel Gorski; vice-prefeito de Porto Xavier, Gilberto Menin; presidente da Câmara de Vereadores de Roque Gonzales, Olavo Spohr; secretário de Administração de Salvador das Missões, Julci Luft; Edio Eckerleben, entre outros.
 
Acolhida especial
Brasil Sartori reiterou o apoio recebido da Associação dos Municípios do Planalto Médio (Amuplam), que também está engajada nesta pauta missioneira. No encontro todos os participantes tiveram a oportunidade de se pronunciar. “Nossa delegação defendeu e contextualizou com maestria, as razões que justificam a ponte internacional Porto Xavier/San Javier. De igual maneira, fizeram as lideranças argentinas. Em nome dos 26 municípios da região das Missões, agradecemos aos anfitriões, que tão bem nos acolheram, em especial ao intendente ao cargo de San Javier/Misiones/Argentina, Julio Cesar Tkachuk e equipe”, reconheceu o dirigente da AMM.

Por Karin Schmidt

Fonte: Assessoria de Imprensa da AMM