Envie agora seu recado!

200
caracter(es) restante(s)

Notícias

Secretária de Saúde esclarece teste rápido positivo para Covid-19 em homem que trabalha em Santo Antônio
20 de maio de 2020 às 15:29
Secretária de Saúde esclarece teste rápido positivo para Covid-19 em homem que trabalha em Santo Antônio
(Foto: Reprodução |Arquivo FM)

Arriete Pereira, secretária de Saúde de Santo Antônio das Missões, participou do programa Conversa Aberta desta quarta-feira, dia 20, e explicou sobre o teste rápido positivo para Covid-19 em um homem, de 41 anos, de São Luiz Gonzaga e que trabalha em Santo Antônio das Missões.

Ela confirmou a informação divulgada pela Secretaria de Saúde de São Luiz Gonzaga e disse que mediante a situação entrou em contato com a 12ª Coordenadoria Regional de Saúde, e foram orientados a testar os colegas de trabalho dele, e todos tiveram o seu teste rápido negativado.

A secretária detalhou ainda que agora, as pessoas que tiveram mais contato com o homem ficam em isolamento e acompanhadas por 14 dias, sendo que, no 10° dia, após o último contato com o homem, será realizado mais um teste rápido. Não é possível coletar PCR, que é a coleta da secreção da boca e nariz, porque as pessoas não tem sintomas, e a coleta deve ser feita entre o terceiro e quinto dia após os primeiros sintomas. Explicou que quando as pessoas não tem sintomas, ou seja, são assintomáticas, o indicado é o teste rápido, então por isso, que foi feito em todas as pessoas que tiveram contato com ele.

Destacou que como o homem reside em São Luiz Gonzaga, testou em seu município, e deu positivo, mas ele não tem sintoma nenhum, porém, mesmo assim, o homem e a sua família fica em isolamento, e se continuar sem sintoma deverá repetir o teste posteriormente, e caso venha apresentar sintomas, deverá ser coletada o PCR e encaminhado para o laboratório.

Arriete reforçou que pode ser que uma pessoa tenha o teste positivo e não tenha sintomas, a exemplo, deste caso, por isso, é que é preciso usar a máscara, lavem as mãos, usem o álcool gel e com esses cuidados, ajuda a não transmitir a doença. Enfatizou que a máscara deve cobrir a boca e o nariz, para que ocorra a proteção de si e dos outros, não é indicado usar a máscara somente na boca.

Sobre os boatos de que como a pessoa trabalha aqui, pode contaminar muitas pessoas, não se descarta a possibilidade, por isso, são necessários os cuidados preventivos.

 

Por Jéssica Ourique

Fonte: Rádio 89,1 FM